Justiça

Lava Jato

PGR pede à Polícia Federal que sejam unificadas investigações sobre hackers

Dodge pediu instauração de inquérito policial sobre ataques à membro do CNMP

sigilo; HACKERS
Foto: José Cruz/Agência Brasil

A Procuradora Geral da República (PGR), Raquel Dodge, enviou ofícios à Polícia Federal nesta quarta-feira (12/6) pedindo que a investigação sobre os ataques de hackers à membros do Ministério Público Federal sejam unificadas, a fim de dar mais celeridade ao processo. A chefe do MPF ainda pede informações da PF sobre o andamento de investigações sobre ataques que começaram em maio.

Os ofícios foram enviados à Maurício Leite Valeixo, diretor-geral da Polícia Federal. Dodge diz, no documento, que é necessário adotar linha de investigação que possa esclarecer o modo de atuação do criminoso, os motivos e eventuais contratantes de um ataque sistemático contra membros do MPF, principalmente aqueles que atuam nas Forças-Tarefas da Lava Jato.

O outro pedido é referente à instauração de inquérito policial para apurar a invasão do aparelho do conselheiro Marcelo Weitzel, do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), que veio à tona nesta quarta-feira (12/6).

A invasão hacker a aparelhos de procuradores veio à tona no último domingo (9/6), após reportagem do Intercept Brasil que mostra conversas de procuradores da força-tarefa da Lava Jato com Sergio Moro, quando este ainda era juiz.

Os ataques cibernéticos a membros do MPF, entretanto, já eram do conhecimento da PGR desde maio. Os primeiros alvos teriam sido membros do Ministério Público Federal que atuam no Paraná e no Rio de Janeiro.

Logo após ser notificada, a procuradora instaurou procedimento administrativo para acompanhar as investigações. Nos ofícios enviados hoje à Polícia Federal, a PGR também pede informações referentes a um pedido de instauração de inquérito policial para apurar o caso.


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito