Justiça

eleições 2018

PGR pede que TSE reúna ações contra chapa Bolsonaro-Mourão

Para o vice-PGE, Renato Brill de Góes, há fatos novos: informações do WhatsApp apontando “comportamento anormal”

O vice-procurador-geral eleitoral, Renato Brill de Góes, durante sessão no TSE Foto: TSE

O vice-procurador-geral eleitoral, Renato Brill de Góes, defendeu a reunião para julgamento conjunto das quatro Ações de Investigação Judicial Eleitoral (Aijes) por abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação apresentadas contra o então candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (sem partido) e o vice Hamilton Mourão (PRTB). A manifestação foi […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.


Sair da versão mobile