Do Supremo

STF

Lewandowski diz não haver saída regimental para julgar planos econômicos

Quatro dos onze ministros se declararam suspeitos, desfalcando quórum

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, afirmou não haver saída regimental para viabilizar o julgamento dos processos relativos aos planos econômicos e pagamento de expurgos aos poupadores. Na situação atual – com quatro ministro suspeitos de julgar o caso – não há quórum para iniciar o julgamento. E, de acordo com o presidente do tribunal e […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.


Sair da versão mobile