Justiça

TJSP

Globo Condé Nast terá de indenizar grafiteiro por atribuir obra a outro artista

Para embasar voto, relator citou sofrimento de Michelangelo ao saber que Pietá foi atribuída a outro escultor

Grafite no Beco do Batman, na Vila Madalena
Beco do Batman, na Vila Madalena / Crédito: Flickr/@idomeneaspictures

A 30ª Câmara Extraordinária de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) condenou a editora Globo Condé Nast a indenizar o grafiteiro Frederico Georges de Barros Day, o NdRua, em R$ 20 mil por danos morais por ter identificado um grafite dele como se fosse de outro artista. O processo tramita sob […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.