Jotinhas

Unidades da AGU no interior correm risco de despejo

Com ajuste fiscal, unidades da AGU no interior correm risco de despejo.

Cortes

Após anos de aumentos expressivos nos gastos do governo, a equipe econômica vem cortando sem dó as despesas de custeio de alguns órgãos do governo federal. As tesouradas pós-pedaladas fiscais são assunto frequente entre procuradores e advogados da União.

Despejo

Relatos confirmados pelo JOTA mostram despejo de representações no interior e outros casos em que funcionários da AGU não têm sequer local de trabalho. Os locais são mantidos em sigilo para proteção dos servidores que apontam o problema. O sigilo é apenas externo, internamente há ofícios e reclamações frequentes sobre os problemas.

Interior

Segundo alguns profissionais, a culpa não é apenas do ajuste das contas públicas. A decisão política tomada em Brasília de aumentar a presença da AGU no interior dos Estados, de resto aplaudida dentro e fora da instituição, não foi acompanhada por um bom planejamento orçamentário. Computadores, cadeiras, mesas de trabalho, acesso a internet e outras exigências básicas para o trabalho ficaram em segundo plano.


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito