Jotinhas

Corte Especial do STJ

STJ mantém afastamento de Encarnação Salgado

Desembargadora do TJAM é acusada de envolvimento com facção criminosa

Manaus,02/09/2014. Desembargadora Encarnacao Salgado, durante sessao do pleno do TJAM. Foto: Raimundo Valentim

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) prorrogou por mais seis meses o afastamento da desembargadora do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) Encarnação das Graças Sampaio Salgado. A decisão foi tomada, por unanimidade, nesta quarta-feira (21/6).

Relator do Inquérito 1088, o ministro Raul Araújo concordou o com pedido formulado pelo Ministério Público para a prorrogação do afastamento já que ainda há diligências na investigação em curso.

Em junho de 2016, a Corte Especial do STJ decidiu que Encarnação deveria ser afastada de suas funções de magistrada por seis meses. Ela é alvo da Operação La Muralla 2, da Polícia Federal.

A desembargadora é investigada por suposta ligação com a facção criminosa “Família do Norte”, a “FDN”. O Ministério Público atribui à magistrada o recebimento de propinas em troca de decisões favoráveis ao grupo.

Apontada como a terceira maior facção do Brasil, a FDN esteve no centro dos massacres no presídio Anísio Jobim, em Manaus, em janeiro deste ano.

[formulario_fulllist]


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito