Jotinhas

Segundo assessoria

Presidente do STJ, que esteve com Alcolumbre, não tem sintomas de Covid-19

Ministro João Otávio de Noronha está em isolamento domiciliar em Brasília desde a manhã desta quarta

Bolsonaro brumadinho presidente do stj
O presidente do STJ, ministro João Otávio de Noronha (STJ/Flickr)

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio de Noronha, não apresenta sintomas da Covid-19 e está em isolamento em sua residência em Brasília desde a manhã de quarta-feira (18/3). É o que afirmou ao JOTA a assessoria de imprensa do STJ.

No início da semana Noronha esteve com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre. A contraprova realizada pelo senador nesta quarta-feira revelou contaminação pelo coronavírus.

Na última segunda-feira (16/3) à noite, Noronha participou da reunião no Supremo Tribunal Federal (STF) com Alcolumbre, o presidente do Supremo, Dias Toffoli, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, entre outras autoridades. O encontro se destinou a abordar medidas que Legislativo e Judiciário poderiam adotar para conter a propagação do coronavírus.

Em seguida, na mesma noite, Noronha se reuniu com outros ministros do STJ para debater a necessidade de se alterar o regimento interno a fim de desvincular sessões de julgamento virtuais das presenciais.

De acordo com a assessoria de imprensa de Noronha, na reunião do STF ninguém se cumprimentou e o presidente do STJ estava sentado longe de Alcolumbre.

Questionada pelo JOTA se Noronha pretendia fazer o teste, a assessoria frisou que o ministro não apresenta sintomas e já está em isolamento. O presidente do STJ completa 64 anos em agosto.

Para conter a disseminação do coronavírus o STJ suspendeu as sessões presenciais de julgamento até 17/4, suspendeu prazos e limitou o atendimento ao público a contatos por telefone.