Jotinhas

Alta nos preços

OAB-DF pede para tribunais suspenderem prazos durante crise do combustível

A entidade enviou requerimento a três tribunais sediados em Brasília para que os prazos sejam suspensos

Foto: Agência BG/Press

Diante da crise gerada pelas paralisações de caminhoneiros em protesto contra o aumento no preço do combustível, a seccional do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil pediu a suspensão dos prazos processuais no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), no Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) e no Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (TRT10).

Além disso, a OAB-DF solicitou aos diretores dos presídios do DF que tolerem eventuais atrasos de advogados que tenham visitas marcadas com seus clientes presos.

+JOTA: Assine o JOTA e não deixe de ler nenhum destaque!

Segundo o presidente da entidade, Juliano Costa Couto, a medida busca resguardar as prerrogativas da classe. “Buscamos sempre facilitar o dia a dia tão corrido da advocacia. Tal medida visa garantir o acesso à justiça, resguardar as prerrogativas dos advogados, bem como salvaguardar o direito do jurisdicionado”, afirmou.


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito