Jotinhas

STJ

Homem que tatuou testa de adolescente segue preso

Presidente do STJ negou HC a pedreiro preso em flagrante

STF recebeu mais de 14 mil pedidos de liberdade. Crédito: Pixabay

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou pedido liminar de liberdade para o pedreiro Ronildo Moreira de Araújo, preso em flagrante por ter tatuado a testa de um adolescente com a frase “eu sou ladrão e vacilão”. Ele foi denunciado pelo Ministério Público de São Paulo pela prática de lesão corporal de natureza grave e ameaça. […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.


Sair da versão mobile