Jotinhas

Ministério

Ministério do Trabalho não será extinto e não será secretaria, diz Bolsonaro

Em coletiva no Superior Tribunal Militar, presidente eleito disse que deve fundir a pasta a outro ministério

Jair Bolsonaro, Ministério do Trabalho
Jair Bolsonaro no Supremo Tribunal Militar (STM). Crédito: Valter Campanato/Agência Brasil

Durante coletiva no Superior Tribunal Militar (STM) nesta terça-feira (13/11), o presidente eleito Jair Bolsonaro afirmou que o Ministério do Trabalho não será extinto e não passará a ter status de secretaria. A ideia é que ele seja unido a outra pasta.

Bolsonaro disse que ninguém está “menosprezando” o Ministério do Trabalho. “Está apenas sendo absorvido por outra pasta”, disse, destacando que a pasta “vai continuar com o status de ministério”.

Sem dar detalhes, ele disse que pretende criar um ministério conjunto com outras áreas. “Vai ser um ministério disso, disso e trabalho, tudo junto”, assim como o Ministério da Indústria e Comércio. Há uma semana, Bolsonaro havia confirmado a extinção do Ministério do Trabalho e afirmado que ele seria incorporado a outra pasta.

Bolsonaro não divulgou um possível nome para assumir o comando da pasta, destacando que deve anunciar primeiro o responsável pelo Ministério de Relações Exteriores e pelo Ministério do Meio Ambiente. “Eu não quero é anunciar um nome hoje e amanhã voltar atrás”, falou.


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito