Carreira

Concurso

Última semana: concurso público para procurador da Unicamp

Salário inicial é de R$ 11.305,26. Inscrições terminam na quinta-feira (7/6)

Unicamp
Fachada da Unicamp - Crédito: Wikipedia

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) encerrará nesta semana as inscrições de concurso público para o cargo de procurador de universidade assistente.

A remuneração inicial é de R$ 11.305,26. O valor inclui R$ 7.536,84 de vencimentos e 50% de honorários advocatícios. As inscrições terminam na quinta-feira (7/6) e possuem taxa de R$150,00. O concurso aprovará um candidato para a vaga.

Os interessados no concurso precisam ter, como parte dos requisitos mínimos, ensino superior completo em Direito e registro na OAB. A carga horária de trabalho semanal é de 40 horas.

Segundo o edital, os candidatos também não podem ter sido “demitidos ou exonerados do serviço público federal, estadual ou municipal, em consequência de processo administrativo ou a bem do serviço público, bem como não ter sido demitido por justa causa de emprego público de autarquia, fundação, empresa pública, ou sociedade de economia mista, instituídas por órgãos da administração federal, estadual ou municipal, em especial, da Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP”.

O processo seletivo será composto por três fases. As provas acontecerão na cidade de Campinas, São Paulo. A primeira fase, composta por prova objetiva com 80 questões de conhecimentos específicos, acontecerá no dia 5 de agosto.

A questões serão de conhecimentos específicos com 15 questões de Direito Constitucional; 15 questões de Direito Administrativo; 10 questões de Direito Civil; 12 (doze) questões de Direito Processual Civil; 7 de Direitos Difusos e Coletivos; 7 de Direito do Trabalho; 7 de Direito Processual do Trabalho; e 7 de Direito Previdenciário.

A segunda fase será realizada por meio de uma prova discursiva, programada para acontecer no dia 16 de setembro. Participarão os 200 candidatos com melhor classificação na primeira etapa.

A prova discursiva será dividida em duas. Na primeira delas, pela manhã, haverá quatro questões, sendo três sobre Direito Administrativo e uma sobre Direito Previdenciário. Na segunda prova discursiva, no período da tarde, haverá quatro questões, sendo duas sobre Direito Constitucional e duas sobre Direito Civil, Direito Processual Civil e/ou direitos difusos e coletivos.

A terceira etapa, composta por prova prático-profissional, ainda não possui data de realização.


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito